Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Em Abril águas Mil

por Cláudia Matos Silva, em 31.03.14


O povo raramente se engana. A primavera chegou mas é uma autentica charada. E não há ano, com a chegada do mês de Abril não sejamos brindados com chuva. Fomos a um dos pontos mais altos da cidade, Miradouro da Graça, e depois de tantas tentativas e o flash quase nos deixar a máquina sem bateria lá conseguimos um salto divertido. Tartarugas ninja faz cada vez mais sentido, especialmente quando vejo a postura da Eli neste salto, eu estou mais numa de rã. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:52

Em ruinas?

por Elisabeth Mateo, em 28.03.14


Mais que em Ruinas, gosto de pensar que está em construcção, em obras... que passei por alí na altura do crescimento, que quando volte a passar estará pronto. Pronto para novas aventuras, experiências, desafios, sentimentos...


¡Corazón!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:45

Foz d'Egua

por Elisabeth Mateo, em 27.03.14

 

Tive que passar por alguns caminhos privados... mas a chamada de atenção valia mesmo a pena, não valia?

Mais um salto numa ponte, esta ponte está em Foz d'Egua.

Sem palavras! A paissagem deixou-me sem palavras!

 

Portugal é lindo!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:13

Sortelha

por Elisabeth Mateo, em 26.03.14

Adorei a parte antiga dentro das muralhas do Castelo e a parte nova que fica de fora.

E aprendi uma palavra nova: Pelourinho 

(popularmente designado também como picota, é uma coluna de pedra colocada num lugar público de uma cidade ou vila onde eram punidos e expostos os criminosos.)


Que sorte ter conhecido Sortelha!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Rota de Aldeias Históricas

por Elisabeth Mateo, em 25.03.14

Em Linhares a chuva me surpreendeu, mas não ia deixar de saltar por isso.

Aldeia típica de casas de pedra com um encanto especial, assim como todas as da rota (Rota das Aldeias Históricas de Portugal).

De caminho a Piodão fiz uma paragem em Seia... Mmmh queijinho bom!


Cada dia que passa gosto mais do meu país de acolhimento!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

5 sentidos

por Elisabeth Mateo, em 24.03.14


Ponte Romana em Idanha-a-Velha.

Continua a viagem pela Beira Alta de Portugal, a paissagem é uma mistura entre o verdejante e rochosa, ar puro e silencio, o qual só se vê perturbado pelo grito de alegria no momento do salto!

Novas vistas, novos sabores, novos cheiros, novos sons e novas texturas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Partilha

por Elisabeth Mateo, em 23.03.14



De salto em salto fui parar ao Castelo de Monsanto no Concelho de Idanha-a-Nova.

Princesa de sangue azul por um instante.

Paisagem espectacular e sol primaveril...

E um sentimento de saudade... Porque saltar sozinha não tem a mesma piada, os bons momentos são sempre para ser partilhados!


Portanto... Partilha! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:57
editado por Cláudia Matos Silva às 20:36

Baby Steps

por Cláudia Matos Silva, em 23.03.14
O disco que oiço no carro "Sereia Louca" da mc Capicua, é uma mulher do norte, cuja tinta lhe salta da caneta para o papel em jeito de poesia pura. Já noutros cds assume que é pirosa, gosta de cor de rosa, como todas as mulheres quer ser diferente mas o seu sentido auto-crítico leva-a a períodos de muita instrospecção. São essas lutas diárias que quase todas as mulheres abraçam e digo abraçam porque às vezes revela inteligencia acolher bem os inimigos para lhes conhecer as fraquezas. Este salto foi em Corroios, Moinho de Maré, sitio que aconselho vivamente a visitarem. A canção da Capicua que toca no rádio "Alfazema" porque sou eu e todas as mulheres, representadas numa forma tão crua de ver o que não se alcança à vista desarmada. A Capicua canta, para espantar os males de alma, talentos desses eu não tenho, portanto vou pulando e reforço só um pouco mais a minha auto-estima. Baby steps...

 

'Alfazema'

 

Eu calo as palavras, poupo o vocabulário, é que
Pró meu silêncio ainda não há um dicionário
E eu não falo sem pensar e não quero pensar demais
Não espero interpretações ou traduções emocionais.
Como todas as mulheres quero sentir que sou diferente
Sou todo o cliché da vida toda pela frente.
Sou carente q.b. como um domingo persistente em que
Não sei porquê a gente tem olhar ausente.
Amiga como tu tenho medo da rejeição
Chorei deitada no chão, achei que era em vão e não
Havia solução a ferida ficaria aberta,
É certo que te marca mas não mata só desperta.
Também sou insegura ponho a lupa nos defeitos,
Tenho a fúria do espelho, muitas dúvidas no peito
Ás vezes não me valorizo, não grito quando é preciso
Não tenho juízo e vivo em função doutro indivíduo
Como tu não sou perfeita mas esse é o nosso carisma
E quem cisma e não respeita não consegue ver um cisne.
A beleza não se finge é aquilo que tu emanas, mana
Como uma esfinge fica sólida a uma deusa humana.
Somos assim cheias de contradições como as tradições
sem fim que nos atiram pra depois.
Vestem-nos de cor de rosa pra enfeitar um mundo que é cinzento,
Querem-te vistosa mas cagam em como estás por dentro
E não tens tempo pra te amares a ti
Tens de ser loira, boa, magra, sensual e com Q.I.
Claro que assim manter uma auto-estima dá muito trabalho.
Não sou a super-mulher e mando o mundo po caralho!
Carta fora do baralho mas serei dama de copas,
Serei rainha como tu um dia, topas?
E quando fraquejares vais repetir num sussurro
Aquilo que eu canto pra sorrir um dia escuro.

Refrão:
Eu cheiro a alfazema, eu sou poema
Eu sou aquela que tu querias ao teu lado no cinema...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:18

Making of, Dia Mundial da Água

por Cláudia Matos Silva, em 22.03.14


A ideia era uma boa ideia, a análise da execução final deixamos à vossa avaliação. Uma coisa é certa, divertimo-nos e rimo-nos à brava e muitas vezes a sensação que fico, é já batida a frase "o que vale não é o destino mas sim a viagem". No dia da água queriamos os nossos saltos reflectidos na água e pronto aqui está o resultado do nosso esmero com direito a 'making of' que torna o salto só um bocadinho mais divertido para quem o vê, porque quem o viveu não se pode realmente queixar.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 18:48

É dia Mundial da Água!

por Cláudia Matos Silva, em 22.03.14


Desde já pedimos desculpa pelo incómodo, a todas as famílas que quiseram dar comida aos patos, e levaram com duas tartarugas tentando executar um salto criativo com reflexo para o lago, mas o dever chamou-nos. No dia mundial da água também quisemos saltar. Daqui a pouco apresentamos o 'making of'. Até já. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 09:01

De pé como as árvores

por Cláudia Matos Silva, em 21.03.14


 Todos os motivos são válidos para estas tartarugas feitas ninja, se aventurarem em mais uns pulos traquinas, exploramos novos planos e descobrimos que esta brincadeira está cada vez mais séria. Feliz dia da árvore!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 14:59

Tchau Inverno

por Elisabeth Mateo, em 20.03.14

 

Arrumar o casaco e o cachecol dá-me um prazer especial !!! 

Nem todas as despedidas são difíceis. 

Também sei que vai voltar... por isso fica num... Até logo Sr. Frio!

Nós vamos continuar a saltar... com frio ou neve, sol ou vento, não vamos?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:31

Olá Primavera

por Cláudia Matos Silva, em 20.03.14


É com felicidade que damos as boas vindas à primavera no Parque da Paz no Feijó para nos desafiarmos uma vez mais em pleno salto mas desta vez em contra luz

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:21

Aguardando a Primavera...

por Cláudia Matos Silva, em 20.03.14


Chega hoje a Primavera e tem hora marcada, 16.57.  No mesmo dia assinala-se o dia internacional da felicidade. Os céus de Lisboa fazem-nos cara feia mas não nos deixamos intimidar. Saltar são  fragmentos de felicidade que colhemos, por isso aguardamos o equinócio da Primavera que este ano se antecipa, e celebramos uma vez mais à vida. Apreciemos então as belezas da natureza. Até já...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:14

Salta com Mr. Brown no dia do Pai

por Cláudia Matos Silva, em 19.03.14


Conhecido pelos passos de dança e saltos acrobáticos por esses palcos, James Brown, deixa-nos a um canto envergonhadas pelos voos rasos que temos, a custo, esforço, suor e algumas lesões, vindo a apresentar num blog que um dia ainda nos deixa um braço ao peito. Mr. Brown dominava a cena, destemido, sabia que se caisse seria amparado pelo seu ego descomunal. 


No dia do pai as miúdas não esquecem a data, lembram o pai do rythm n' blues que dava ares da sua graça em portentosos pulos, o homem em si um espectáculo pirotécnico. É dia do pai, mas de toda a família, também, porque somos feitos de laços e afectos e um pai só o é porque não se fechou numa ilha. O pai olha um pouco mais para lá do seu próprio umbigo e só quando chega a esse estado de maturidade e se despe do seu próprio egocentrismo é que merece receber o digníssimo título de "PAI". Aos pais de verdade, parabéns!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:31

Pág. 1/3



Liberta, grita, vai salta

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D