Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Sinceridade

por Elisabeth Mateo, em 30.04.14


Ser sincero é importante! 

As palavras sinceras nem sempre são bonitas, mas lhes garanto que é preferivel saber a verdade por dura que seja a saber que lhes mentiram, porque então se tem de digerir a mentira inicial e a verdade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:05

Antes de morrer...

por Elisabeth Mateo, em 29.04.14


Sempre me disseram que antes de morrer tinha que...

1. Ter um filho

2. Plantar uma árvore

3. Escrever um livro


Até poderia ser fácil cumprir com os três propósitos, mas o difícil é...

1. Criar ao filho

2. Regar a árvore

3. Que o livro seja lido

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:16

Atraso

por Elisabeth Mateo, em 28.04.14


Dizem que as coisas boas sempre demoram a chegar... 

Será por isso que chegamos atrasados?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:01

Limpeza

por Elisabeth Mateo, em 27.04.14


As vezes é preciso pensar em fazer uma limpeza...

Limpar a tristeza, a dor, a raiva... todos aqueles sentimentos que não nos fazem bem té-los durante muito tempo connosco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:52

Pequeno Almoço

por Elisabeth Mateo, em 26.04.14
El Desayuno
Me gustas cuando dices tonterías,
cuando metes la pata, cuando mientes,

cuando te vas de compras con tu madre
y llego tarde al cine por tu culpa.
Me gustas más cuando es mi cumpleaños
y me cubres de besos y de tartas,
o cuando eres feliz y se te nota,
o cuando eres genial con una frase
que lo resume todo, o cuando ríes
(tu risa es una ducha en el infierno),
o cuando me perdonas un olvido.
Pero aún me gustas más, tanto que casi
no puedo resistir lo que me gustas,
cuando, llena de vida, te despiertas
y lo primero que haces es decirme:
«Tengo un hambre feroz esta mañana.
Voy a empezar contigo el desayuno».
Luis Alberto De Cuenca

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:32

Salta Sempre - 25 de Abril

por Cláudia Matos Silva, em 25.04.14


Almada é por excelência uma das cidade com o espírito 25 de Abril presente o ano inteiro e isso está nos muros, nos parques, nas instalações e até no rosto das pessoas que reclamam os seus direitos, porque Portugal não é só Lisboa. Junto à rotunda centro sul, instalação e a minha leitura pessoal 'a união faz a força' e damos a mão porque não gostamos de fazer o sangue correr de outra forma assistíamos a medição de forças ou braços de ferro. Tolerância sempre, acima de tudo.


Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 09:27

Homenagem ao primeiro Salto

por Elisabeth Mateo, em 24.04.14


Em seguimento do post da Cláudia no dia 13.03.14...

Voltamos ao Parque da Paz onde a gente deu o seu primeiro salto juntas, como homenagem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:38

Keep Calm...

por Elisabeth Mateo, em 23.04.14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:50

Até sermos todos crianças…

por Elisabeth Mateo, em 22.04.14

Cavalinhos

Que ponham cavalinhos
em todas as ruas,
que encham de cavalinhos as cidades.
Séculos
levamos com o invento de festa em festa
sem descobrir sua humaníssima aventura.
Que celebrem os namorados
sua viagem nos cavalinhos,
de cavalinho em cavalinho.
Que cada família tenham seus cavalinhos,
todos nos cavalinhos!
Que os amigos
falem e sonhem e discutam
dando voltas nos cavalinhos.
E neles façam os ministros seus conselhos.
Enquanto houver ministros,
e neles reunam os senhores bispos,
naturalmente, revestidos
de senhores bispos,
enquanto forem bispos.
Os pobres subirão para rir-se do mundo;
e os ricos?
Que subam os ricos aos cavalinhos
enquanto todos aplaudimos-lhes!
E os senhorinhos!
Que subam os senhorinhos!
E que acorram todos os solitários, todos os vagabundos.
E o congresso dos deputados
será o congresso dos cavalinhos.
E os empresários, que risada, os empresários!
Que subam os empresários com os assalariados,
enquanto existam salários.
Os salários do medo!
E, aí: comités centrais,
máfias, seitas, castas, clãs, etnias:
aos cavalinhos!
E os músicos como os guardas-florestais
e o prefeito e os vereadores
com as vendedoras e os padeiros.
Viva! Viva!,
Gritarão as crianças quando vejam
que sobem os ilustres.
Aí, ilustres!
Aos cavalinhos!
Vamos à cidade a subir aos cavalinhos,
dirão os monges a seus abades.
E os académicos:
Que se reúnam os académicos nos cavalinhos
e que fechem as academias.
Ah, se todos os fi lósofos subissem aos cavalinhos!
Que ponham cavalinhos nas prisões,
nos quartéis,
nos hospitais,
nos frenopáticos,
e que fujam todos
montados nos cavalinhos.
E todos os juízes aos cavalinhos,
aí! Aí! Aos cavalinhos!
E nada de processos e de sentenças!
Basta de julgar os efeitos e não as causas!
Aos cavalinhos!
E que todos os funerais
se façam montados nos cavalinhos
ao passo silencioso e tranquilo dos cavalinhos.
É a nova ordenação,
é o novo preceito:
todos aos cavalinhos!
A cavalgada dos cavalinhos!
Para a confederação dos cavalinhos!
Até sermos todos crianças…

 

(Jesús Lizano)

Livro de poemas: Lizania em Lusitania

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:20

Dia da "Mona"

por Elisabeth Mateo, em 21.04.14

 

Hoje é o dia da "Mona" na minha terra natal: Catalunha.

A tradição é sair ao campo a comé-la com a familia toda.

A "Mona" é o doce típico só para este dia de Pascoa.

 

Por isso hoje vou dar-me o luxo de dizer que tenho saudades!

Esta foto é a frente da igreja da minha vila: Vilafranca del Penedès.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:23

Imperfeitos

por Elisabeth Mateo, em 20.04.14

 

Pessoas perfeitas não existem.

Somos apenas seres humanos. 

Procuramos por alguem que aceite as nossas imperfeições.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:32

Brilha!!

por Elisabeth Mateo, em 19.04.14


Eu gosto de coisas que brilham, de pessoas de LUZ!

De gente que sabe ser SOL, mesmo quando a vida está nublada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:14

Adrenalina

por Elisabeth Mateo, em 18.04.14

 

As drogas não são nada recomendáveis, mas imagina uma "droga" natural que segrega o teu corpo e não é perjudicial... Existe, é a ADRENALINA!

 

É um neurotransmissor e um hormônio. É produzido pelas glândulas supra-renais e é segregada quando dilata passagens de ar, contrai os vasos sanguíneos, aumenta a freqüência cardíaca e nos dá "energia extra", tipo "turbo".

 

Quando um desporto de risco é praticado, como pára-quedismo, escalada, patinagem, bem quase tudo o que requer esforço e tem de reagir rapidamente, a adrenalina é libertada, causando-nos uma sensação de bem-estar e de energia.

 

É um sentimento que não posso explicar, mas que todos nós já sentimos e é viciante!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:52

Bom dia!

por Elisabeth Mateo, em 17.04.14


Acorde!

Um novo dia esta na sua frente para ser aproveitado. 

Ria, divirta-se, abrace, ame...

Aproveite!

Muita luz, paz e alegria!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:02

Confiança

por Elisabeth Mateo, em 16.04.14

Se conhecesses uma pessoa igual a ti,

confiavas nela?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:30

Pág. 1/2



Liberta, grita, vai salta

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D